Uma pessoa avarenta é aquela que
tem apego ao dinheiro, tem desejo ardentemente de acumular riquezas e faz pouca
caridade, ou seja, não é generoso. E o termo “mão de vaca” é uma expressão
popular que define uma pessoa que não gosta de gastar dinheiro; uma pessoa
assim muitas das vezes tem posses, mas não gosta de gastar. A Bíblia fala de
pessoas assim, e está escrito:

“Há quem dê generosamente, e vê
aumentar suas riquezas; outros retêm o que deveriam dar, e caem na pobreza.”
(Provérbios 11.24 – NVI)

“Quem dá com generosidade se torna
mais rico, mas o mesquinho perde tudo.” (Provérbios 11.24 – NVT)

“Algumas pessoas gastam com
generosidade e ficam cada vez mais ricas; outras são econômicas demais e acabam
ficando cada vez mais pobres.” (Provérbios 11.24 – NTLH)

Você pode perceber nestes
versículos (na verdade, um único versículo com apenas traduções diferentes) que
vemos que quem compartilha com generosidade seus bens, vê aumentar as suas
riquezas, mas aquele que é “mesquinho”, ou seja, guarda mais dinheiro do que
necessita, esse sim cai na pobreza.

Nós damos vários nomes como
desculpa para a avareza, como: guardando dinheiro para o futuro; administração
das posses; ninguém me ajudou; eu não tenho nada então não posso repartir; etc.
Mas as Escrituras Sagradas a chamam de pecado. “Também todos os instrumentos do
avarento são maus; ele maquina invenções malignas, para destruir os mansos
com palavras falsas, mesmo quando o pobre chega a falar retamente.” (Isaías
32.7). Você pode reparar que neste versículo que a avareza é um sentimento
destrutivo e dificulta que você abençoe outras pessoas que estão ao seu redor.
E quem também sofre com o avarento são seus familiares e a igreja porque deixa
de cumprir o seu papel de doar aos necessitados, pois não tem ninguém que doe.

Se lembra da passagem do jovem
rico? O jovem tinha cumprido os mandamentos, mas quando Cristo disse para ele
vender tudo o que tinha e repartir com os pobres; o pecado da avareza foi
revelado em seu coração, tanto que o jovem ficou muito triste porque possuía muitos
bens (Lc 18.18-23).

A avareza vem de dentro do coração
e contamina o ser humano. “E dizia: O que sai do homem, isso é que contamina o
homem. Porque do interior do coração dos homens saem os maus pensamentos, os
adultérios, as prostituições, os homicídios, os furtos, a avareza, as
maldades, o engano, a dissolução, a inveja, a blasfêmia, a soberba, a loucura. Todos
estes males procedem de dentro e contaminam o homem.” (Marcos 7.20-23).

A avareza é uma forma de idolatria,
e quem a pratica não herdará o Reino dos Céus. “Porque bem sabeis isto: que
nenhum fornicador, ou impuro, ou avarento, o qual é idólatra, tem
herança no Reino de Cristo e de Deus.” (Efésios 5.5).

Os costumes que estão enraizados no
mundo, são diferentes dos cristãos, pois aquele que se diz de Cristo não é
avarento. “Sejam
vossos costumes sem avareza, contentando-vos com o que tendes; porque
Ele disse: Não te deixarei, nem te desampararei.” (Hebreus 13.5).



A avareza coloca as coisas
materiais acima do que é espiritual. “Portanto, tive por coisa necessária
exortar estes irmãos, para que, primeiro, fossem ter convosco e preparassem de
antemão a vossa bênção já antes anunciada, para que esteja pronta como bênção e
não como avareza.” (2 Coríntios 9.5).

A lógica humana diz que nós devemos
economizar o tanto quanto possível (não é errado economizar, mas quando se
extrapola sim), mas Deus vem e nos diz que abençoa aquele que doa suas posses,
seu tempo e trabalho para com o próximo. Porque quando ofertamos, o Senhor nos
dá ainda mais para continuarmos abençoando o nosso próximo. Pois quem é avarento
e “mão de vaca”, não prospera!

“Mas se alguém
que se considerar cristão possui dinheiro suficiente para viver bem, e vendo um
irmão em necessidade e não o ajudar – como é que o amor de Deus pode estar
nele? Filhinhos, deixemos de dizer apenas que amamos as pessoas; vamos ama-los
realmente e mostrar isto pelas nossas ações.”

(1 João 3.17,18)

O que você achou
desta postagem? Deixe o seu comentário!

Meu e-mail: abileneleite96@gmail.com

Gostou da postagem?! Então Comente! Para comentar é preciso estar seguindo o Blog!
One thought on “Quem é avarento e “mão de vaca”, não prospera!”

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *